Fernando Carpaneda


Go to content

Arte Underground



Arte Underground

Lowbrow, ou lowbrow arte, é um movimento artistico underground (marginal) em artes visuais que surgiu em Los Angeles, Califórnia, nos finais dos anos 1970. Lowbrow é um movimento generalizado e popular que teve suas origens nas revistas de quadrinhos marginais, música punk, hot-rod street culture(amantes do design do carro hot-rod), e outras subculturas surgidas na Califórnia . É também muitas vezes conhecido pelo nome pop surrealism. Lowbrow arte muitas vezes brinca com o senso de humor - às vezes o humor é inocente, por vezes, infantil e, às vezes, sarcástico. A maioria das obras em lowbrow arte são pinturas e desenhos, mas também existem brinquedos, arte digital, e esculturas.

Alguns dos primeiros artistas a criar o que mais tarde seria conhecido como lowbrow arte foram os cartunistas marginais Robert Williams e Gary Panter. Que comecaram a mostrar seus trabalhos em galerias de arte em Nova York e Los Angeles como a Psychedelic Solutions Gallery, no East Village de Nova Iorque dirigida por Jacaeber Kastor, La Luz de Jesus dirigida por Billy Shire e a Zero One uma outra galeria em Hollywood , dirigida por John Pochna. O movimento cresceu continuamente a partir do seu início, com centenas de artistas adotando este estilo. Como o número de artistas cresceu, o número de galerias mostrando Lowbrow arte aumentou. A The Julie Rico Gallery e a The Bess Cutler Gallery ambas mostraram importantes artistas e ajudaram a ampliar o movimento de arte underground classificado como Lowbrow. A revista de arte underground Juxtapoz criada por Robert Williams, em 1994, tem sido um pilar para se escrever sobre lowbrow arte, e tem ajudado a direcionar e a crescer o movimento.

Criticos de arte tem constatado que há distinções agora a serem estabelecidas entre o modo como a lowbrow manifesta-se em diferentes regiões e locais. Alguns vêem a Lowbrow arte em suas raizes de costa a costa dentro dos Estados Unidos que é mais fortemente influenciada por metro COMIX e hot rod carro-cultura do que noutros locais.

Como o estilo se espalhou ao redor do mundo, novos artistas tem incorporado em seus trabalhos a cultura de sua regiao e de seu paiz. Lowbrow arte tem agora varias ramificacoes, como ocorreu com varios outros movimentos artisticos em diferentes vertentes dentro dessa nova arte.

Em 1979, Gilbert Shelton o editor do Rip Off-Press decidiu produzir um livro com as pinturas de Robert Williams. Williams disse que ele decidiu colocar o nome de "The Lowbrow Art of Robt. Williams," pois nenhuma instituicao oficial de artes, iria reconhecer o seu tipo de arte. O nome Lowbrow foi utilizado em oposicao ao nome “Highbrow”, que define o maistrean da arte contemporanea. William disse que o nome Lowbrow foi adotado por centenas de artistas em todo o mundo logo apos o lancamento do seu livro. Assim definindo o movimento “Lowbrow” em arte underground.

Lowbrow também é chamado de pop surrealismo. Kirsten Anderson, que editou o livro Pop Surrealismo, diz que lowbrow e pop surrealismo podem ser relacionados, mas sao dois movimentos distintos. No entanto, Matt Duques Jordânia, autor do livro Weirdo Deluxe, diz que os termos sao permutáveis.

Muitos no mundo da arte contemporanea atualmente têm profundas dificuldades em aceitar o lowbrow arte como o novo movimento artistico, por causa de seu foco figurativo, sua cultura de narrativa, e sua forte valorização do conhecimento técnico. Todos estes aspectos da arte contemporanea foram profundamente desvirtuados em faculdades e pelos curadores e críticos durante toda a década de 1980 e 90.

No entanto, varios artistas que iniciaram suas carreiras, mostrando seus trabalhos em galerias lowbrow estao agora expondo em grandes galerias,museus e sendo reconhecidos pelo mainstream.



Back to content | Back to main menu